segunda-feira, novembro 30, 2009

Eva, de Rodin


Peguei essa aqui como curiosidade no blog artetropia, um blog bem interessante sobre arte.
"Rodin não gostava de modelos profissionais. Preferia pessoas da rua, dançarinas de can-can com muita flexibilidade. Para fazer “Eva” utilizou uma modelo italiana, mas pequena e flexível, apelidada pelo artista de “a pantera de Rodin”. A cada novo posado, o artista notava que algo que havia feito na sessão anterior estava mal, e não sabia a razão do seu erro. Até que ela deixou de ir ao atelier e ele descobriu que ela estava grávida. Rodin abandonou a grande escultura, o que se percebe pelas irregularidades da pele e começou a trabalhar em “Evas” de menor tamanho. Também para a Porta do Inferno "
Ótima semana a todos e obrigado pelas visitas.

2 comentários:

Diego Viana disse...

Rodin fazia os pobres modelos sofrerem... Torcia os corpos até quase quebrar. O resultado era bom, mas eu não queria estar na pele deles...

CELSO MATHIAS disse...

Camille Claudel que o diga. Enlouqueceu por Rodin. Belo Post Gilberto, belo post!!Acredito que blog deva ser um baú de coisas bacanas que queremos compartilhar com amigos!!

Abraços e excelente semana ao casal.