terça-feira, março 29, 2011

O corpo fala


Essa foto tirei nos arredores de Perus, bairro onde trabalho. Notei que esses bancos são curvos, e achei interessante pois isso me levou à memória o livro "O corpo fala". Os autores são Pierre Weill e Roland Tompakow. Segundo o livro, nosso corpo possui uma linguagem silenciosa e incontestável que, se aprendermos a ler nos outros, melhorará em muito nossa comunicação. O design desses bancos de praça está condizente com o teor do livro. Duas ou mais pessoas sentadas num banco ou poltrona convergirão seus corpos para o centro, desde claro, que a conversa interesse a todos. Sentar-se num banco curvo assim, mesmo que o outro seja um estranho, convida ao bate-papo... Empolgado, até fiz um rafezinho pra marcar a observação.

2 comentários:

Eduardo Schloesser disse...

Eu li o livro, muito interessante mesmo, e um tanto perigoso, eu diria. Tive um conhecido, putanheiro de dar dó, que tentava usar estes conceitos para "faturar" mulher, ou seja queria ler nos gestos, no balançar dos quadrís, alguma intençao favorável a ele. Quebrava a cara sempre.
Abraços aí velhão.

CELSO MATHIAS disse...

Não li o livro mas vou ler! Que coisa interessante isso! Deveria ser aplicado em todos os lugares!!E bela percepção!